+55 019 3829-3482  |  +55 019 3829-0841
 Participantes  |  +55 019 4062-8689

Avaliação in vitro da eficácia anti-inflamatória, protetora da barreira cutânea e redutora da hipersensibilidade cutânea de quatro sabonetes líquidos disponíveis no Brasil


Avaliação in vitro da eficácia anti-inflamatória, protetora da barreira cutânea e redutora da hipersensibilidade cutânea de quatro sabonetes líquidos disponíveis no Brasil
Postado por: Samara Eberlin em 09 de Junho de 2016

Surgical and Cosmetic Dermatology 7(2), 123-8, 2015.

DOI: http://dx.doi.org/10.5935/scd1984-8773.2015722

A pele pode apresentar disfunções que levam a alterações histológicas e lesões elementares, muitas delas decorrentes de mecanismos imunológicos e/ou alteração da barreira epidérmica. O objetivo deste estudo é avaliar se alguns produtos cosméticos, em apresentação sabonete líquido, encontrados no mercado brasileiro, apresentam eficácia anti-inflamatória e protetora de barreira cutânea in vitro. Trata-se de estudo in vitro, no qual quatro sabonetes comerciais foram avaliados em culturas celulares de queratinócitos humanos para determinação das atividades anti-inflamatória, restauradora de barreira epidérmica e redutora da hipersensibilidade cutânea. As concentrações de queratina 10 e 14, loricrina, IL-12, IFN-? e TRP V-1 foram dosadas nos sobrenadantes das culturas celulares de queratinócitos humanos por ensaio Elisa sanduíche. As quatro substâncias teste promoveram reduções significativas na síntese de IFN-? e IL-12. Somente a substância-teste C desencadeou aumento significativo na síntese de queratina 10. Todas as substâncias-teste demonstraram reduções significativais na síntese de queratina 14, aumento significativo na síntese de loricrina e reduções significativas na síntese de TRPV-1. Alguns produtos cosméticos em sabonete podem apresentar resultados in vitro no tocante às atividades anti-inflamatória, restauradora de barreira epidérmica e redutora da hipersensibilidade cutânea.